23.9.06

Porque eu vou

D. Rita. Como ninguém se cansa de repetir, show pela primeira vez na região. E eu vou.

Meio-fio (Rita Lee/Arnaldo Antunes)

Onde quer que eu vá
Levo em mim o meu passado
E um tanto quanto do meu fim
Todos os instantes que vivi
Estão aqui
Os que me lembro e os que esqueci...
Carrego minha morte
E o que da sorte eu fiz
O corte e também a cicatriz

Mas sigo meu destino
num yellow submarino
Acendo a luz que me conduz
E os deuses me convidam...
Para dançar no meio-fio
Entre o que tenho e o que tenho que perder
Pois se sou só
É só flutuando no vazio
Vou dando voz ao ar que receber

Pra ficar comigo
Corro, salto, me equilibro
Entre minha neta e minha vó
Fico feliz, sigo adiante ante o perigo
Vejo o que me aflige virar pó
Às vezes acredito em mim
Às vezes não acredito
Também não sei se devo duvidar

Mas sigo meu destino
num yellow submarino
Acendo a luz que me conduz
E os deuses me convidam...
Para dançar no meio-fio
Entre o que tenho e o que tenho que perder
Pois se sou só
É só flutuando no vazio
Vou dando voz ao ar que receber



Sim, link para baixar a música no título da mesma.

2 comentários:

Ggel disse...

Me conta como foi Mujer. Deu or ecado pra ela? Quando a tia Rita vem fazer show aqui em Campinas, ela te falou? rs
beijos

alecostapoa disse...

Carol, no tempo das diligências, quando eu ganhei meu primeiro walk-man, veio junto uma fita k-7 da Rita Lee, eu devia ter uns 8, 9 anos. E ainda lembro de todas as músicas daquela fita, eu cantava e sabia de cor. Curtiu o show?
Adorei falar com vc no msn! Beijos e uma excelente semana!