25.2.09

Apaixonantes

Estou em busca do sapato perfeito. Só Deus sabe como pagarei por um sapato perfeito, mas careço que seja muito bom, muito confortável e muito bonito porque vou ficar com ele hooooras a fio, andando de lá pra cá, ao ser madrinha, cerimonialista e irmã da noiva dia 25/04.

Dica de Katita, acabei no site Anita Online. Per-di-ção! Se você tiver dinheiro no bolso ou um cartão com limite bão, não entre! Eu, que estou sem um p*t* nos bôrso já estou lôca! E já tenho minhas favoritas, já nem pensando só no casório...

Coisa málinda da mamãe! Gente, olhe este salto! Não é coisa mais fofa e confortável que vocês já viram?! E adorei a cor: melancia. Tem até uma castanha, mas esta é muito mais linda. Adoro cor no sapato, já falei disso aqui até. Muito, muuuuito linda. Usaria para trabalhar, para passear, ou só usaria porque deve ficar mais linda ainda calçada.

Esta sandália é um modelo bem crássico mas por ser coloridona é mais bonita ainda. Este azul petróleo com este salto laronja ficou muito bem sacado. Poderia ter ficado brega, mas o modelo não deixa. Sério candidato para o casório, já que busco um vestido entre o azul petróleo e o roxo acinzentado. O laronja daria o tom descontraído.

Tenho muitos sapatos pretos. Botas de salto alto, médio e sem salto (esta até parece que estou de meia pelas ruas, porque o solado dela é bem pregado e rasteiro e o tecido é bem preto e molinho, o que adoro), sapato boneca (com e sem salto), sapatilhas (2 pares), sapato de amarrar (sem cano e com salto médio, muito confortável, tenho há quase 10 anos!) mas não tenho nenhuma sandália preta! Aí bati o olho nessa e gostei do aplique, porque, é uma sandália bem comum, um modelo fácil de usar, elegante mas parece desconfortável. Mas além de cores nos sapatos, adoro aplicações: lacinhos, frores, bordados. E esta ganhou espaço no meu coração, mas não serve pro casório, que será à tarde numa chácara.

O nome: Batom. Adorei a cor (tenho queda por sapato vermelho), apesar do site apresentar ainda as cores marrom, preta e mate (que é um verde abacate, na verdade), o modelo parece ser bem confortável e muito importante: não escapa do pé. Outro sério candidato.

O mais forte candidato a ganhar um convite para o casório do ano. Confortável, bonito, colorido, descontraído com esta fivela e apesar disso, muito elegante. E o melór: não é dos mais caros!

Apesar de branco (uma cor que mal uso em lingerie ou camisetas, porque encarde muito fácil, imagina em sapatos! Não tenho nem um.), o modelo tem tudo o que estou apregoando desde o início do post: é confortável, descontraído, confortável. E tem lacinho.

'Taí um sapatinho difícil mas fácil de usar porque: é um modelo muito fofo mas prata e texturizado como... peixe? cobra? Não sei bem. Mas prata é fácil ficar cafona apesar de ser mais fácil ainda de combinar com jeans ou preto. E adorei o botão. Seria ideal não para o casório mas daria um ótimo companheiro de 4 horas seguidas de aula (em pé) que tenho este semestre. Mas já adianto: custa 300 dinheiros (!).

Não gosto da onda de verniz que atingiu a produção de calçados e acessórios de uns 2 anos pra cá. Exceto quando se remete às origens, como este sapato que me faz lembrar a década de 20 ou a de 40, quando os sapatos eram praticamente a única parte do "corpo" que a mulherada realmente "podia" mostrar. Estas fivelas... aí apaixono. E além de gostar de sapatos vermelhos, adoro os retrô. E a cor, vinho beeem escura, quase preto é muito bonita. Não iria pro casório mas viraria figurinha fácil de saídas noturnas.

Este só não é o candidato perfeito porque: tem uma aranha pregada! (espero que ela seja removível, tipo um broche, senão, p*t* mal gosto pregar uma aranha num sapato tão bonito, hein, Luz da Lua?!) e o salto é fino demais pro tempão que precisaria ficar com ele no pé. Mas a cor é bem essa, talvez um pouco mais lilás a que eu estou almejando pro vestido do casório.

É só. Que fácil seria se dinheiro eu tivesse.

Um comentário:

Arcana disse...

que engraçado!
trabalho numa loja de sapatos :)
o vermelho com salto triangular e lindo..
dáaté vontarde de ter um!